Calendário de Vacinação Infantil: atualização do Ministério da Saúde

Olá profissional de Enfermagem, como vai? O primeiro post do ano de 2013 tratará de um assunto muito importante para a saúde publica: a imunização. 

O Ministério da Saúde juntamente com o Programa Nacional de Imunização vem traçando estratégias permanentes para manter alta as coberturas vacinais no país, por isso, abordaremos uma atualização a respeito do novo Calendário de Vacinação Infantil. Vamos lá?

No primeiro ano de vida, as crianças recebem uma série de vacinas, sendo a maioria delas injetável. 

Com o intuito de diminuir o número de injeções em um mesmo momento, foram desenvolvidas as vacinas combinadas, produtos que, numa única apresentação, contêm um número maior de antígenos capazes de estimular a resposta imunológica contra mais de um agente infeccioso, vírus ou bactéria (BRASIL, 2012a).

Essa forma de apresentação maximiza a eficiência e o custo-efetividade do Programa Nacional de Imunização (PNI), trazendo benefícios como:

Facilidade de administração;

Redução da dor e do medo das crianças;

Diminuição do número de idas aos serviços de saúde, contribuindo para o alcance elevado das coberturas vacinais (BRASIL, 2012a). 

Outro aspecto importante é a redução dos custos dos imunobiológicos, bem como da logística operacional (armazenamento, transporte, seringas e agulhas) (BRASIL, 2012a).

Diante desse contexto, o Ministério da Saúde adquiriu a Vacina Inativada Poliomielite (VIP) e a Vacina Pentavalente (DTP/HB/HIB) - vacina adsorvida Difteria, Tétano, Pertussis, Hepatite b (recombinante) e Haemophilus Influenzae tipo b (conjugada) (BRASIL, 2012a).

É inegável o sucesso e a contribuição da utilização da Vacina Oral da Poliomielite (VOP) na erradicação da poliomielite e no mês de agosto de 2012 o Brasil introduziu, a Vacina Inativada Poliomielite (VIP) em esquema sequencial com duas doses de VIP e duas doses de VOP (BRASIL, 2012a).

As doses da VIP visam minimizar o risco, que é raríssimo, de paralisia associada à vacina. E as da VOP, visam manter a imunidade populacional (de rebanho) contra o risco potencial de introdução de poliovírus selvagem através de viajantes oriundos de localidades que ainda apresentam casos autóctones da poliomielite (BRASIL, 2012a).

Estudos realizados em todo o mundo permitiram descrever as características da VIP, dentre elas, destaca-se a capacidade de evitar surtos de poliomielite, de modo que muitos países já a incluíram nos seus calendários de vacinação, de forma exclusiva ou com esquema sequencial (BRASIL, 2012a).

As crianças que nunca foram imunizadas contra a paralisia infantil, irão tomar a primeira dose aos dois meses e a segunda aos quatro meses, com a VIP, de forma injetável. Já a terceira dose (aos seis meses), e o reforço (aos quinze meses) continuam com a vacina oral, ou seja, as duas gotinhas (BRASIL, 2012a).

Enquanto a pólio não for erradicada no mundo, o Ministério da Saúde continuará a utilizar a vacina oral poliomielite (VOP), pois ainda existem três países (Nigéria, Afeganistão e Paquistão) endêmicos para a doença (BRASIL, 2012a).

Quanto à vacina pentavalente, ela reúne em uma única aplicação a proteção de duas vacinas distintas, a tetravalente - que deixa de ser ofertada e protege contra difteria, tétano, coqueluche e Haemophilus influenzae tipo b (meningite e outras doenças bacterianas) - e a vacina contra a hepatite B (BRASIL, 2012b).

A pentavalente será administrada aos dois, aos quatro e aos seis meses de vida. Além desta vacina, a criança manterá os dois reforços com a Vacina Tríplice Bacteriana (DTP) (BRASIL, 2012b).

O primeiro reforço deverá ser administrado aos 12 meses e o segundo aos quatro anos. Os recém-nascidos continuam a receber a primeira dose da vacina hepatite B nas primeiras 24 horas de vida, preferencialmente nas 12 horas, para prevenir a transmissão vertical. A vacina hepatite B também ficará disponível a outras crianças que já tinham esquema completo para tetravalente, mas não tinham para a hepatite B (BRASIL, 2012b).

Estudos realizados com a vacina demonstraram alta imunogenicidade, com taxas de soroproteção equivalentes às da vacina de referência, entretanto, para garantir a imunidade a médio e longo prazo, é necessário que seja feito o esquema completo de vacinação, incluindo reforço (BRASIL, 2012b).

Muito importante conhecer essas mudanças não é caro profissional? Para continuar informado, clique aqui e veja um quadro comparativo com o Calendário Básico de Vacinação, mas não se esqueça de deixar a sua contribuição frente a esse assunto! Até breve! 


Texto escrito pelas monitoras: Jessica Aparecida Majczak e Heloise Gonçalves Maia


REFERÊNCIAS

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Informe técnico da introdução da vacina inativada poliomielite (VIP). Brasília, 2012a. Disponível em:<http://portal.saude.gov.br/portal/arquivos/pdf/informe_introducao_vacina_inativada_polio_vip_2012.pdf > Acesso em: 10 jan. 2013.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Informe técnico da introdução da vacina pentavalente. Brasília, 2012b. Disponível em: <http://www.sgc.goias.gov.br/upload/arquivos/2012-06/informe-tecnico-vacina-pentavalente.pdf >. Acesso em: 10 jan. 2013.

Comentário

avatar ROSEANNE ALBUQUERQUE
+12
 
 
AMO IMUNIZAÇÃO... CARRO CHEFE NA ATENÇÃO PRIMÁRIA...
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar JAQUELINA
+2
 
 
EU AMO TBM ESSA ARÉA PREVENTIVA .......
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Evellyn
+1
 
 
Atualizar-se!! indispensável
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Dayana Lobo Sousa
0
 
 
Maravilhoso e de suma importância o embasamento teórico sobre imunização, pois percebe-se em muitos profissionais da saúde a deficiência sobre o assunto. Adorei!!

Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Aline Marcia
-1
 
 
Ótimo assunto! Amei!!!
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Jaqueline
+2
 
 
Esse ano já houve ainda mais mudanças, além dessas citadas. Recebi recentemente um ofício da minha regional informando que a segunda dose da Tríplice viral passa a ser com 15 meses, com o intuito de preparar o calendário para a introdução da Tetra viral. E outra mudança foi que a segunda dose da VORH poderá ser administrada até 7 meses e 29 dias.
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar eliane aparecida santos de paula
0
 
 
Oi Jaqueline, trabalho também com imunização, porém, nao li nada sobre essa mudança sobre a rotavírus poder ser feita até os 7 meses e 29 dias, será que vc pode me enviar o ofício?
Grata,
Eliane
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Marinalva Rodrigues
-1
 
 
È excelente estar sempre atualizado e estar sempre se atualizando. Obrigado pela a oportunidade.
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Arlete A. Vieira
0
 
 
Atualização é tudo na nossa profissão!
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Francina Galvão
0
 
 
Parabéns pelas atualizações!! ´louvável!!
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Roberto Carlos Figueiredo
0
 
 
parabéns
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Odenísia Menezes Varjão Gomes
+1
 
 
Muito bom!!! só queria que me tirassem uma dúvida, em relação o reforço da , que era de dtp que era de 1 ano e 15 meses, passou a 12 meses...
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Cleide
0
 
 
O texto de atualização foi de grande avalia, mas o reforço da DTP não é aos 15 meses mesmo no calendário novo?
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Margarete teixeira
0
 
 
Muito bom sempre se atualizar gostei.
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Eliane
0
 
 
O saber é a essência do ser humano. Agradeço pela oportunidade.
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar JOSELITA F SANTOS
0
 
 
EXCELENTE CONTEUDO, PARABENS PELAS INFORMAÇÕES. JOSELITA F SANTOS BRASÍLIA DF
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Lusilania Maria da Costa
0
 
 
Muito bom, é sempre maravilhoso estar atualizada!
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar katiane maia dos santos
0
 
 
otimo, pena que recebemos pouca atualizacao para os enfermeiros no meu municipio e engraçado cobram muitoooo de nóis!!!!
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Verônica Alves
0
 
 
É ótimo ter um site que repasse informações tão importantes para o dia-a-dia dos profissionais da saúde.
Parabéns a toda equipe do Proficiência!
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar aurineide marinho
0
 
 
Bom saber, obrigada!
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar SERGIO
0
 
 
Obrigado pela Educação Continuação deste serviço eficiente ofertado à nossa classe de Técnicos de Enfermagem.
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar FERNANDA
0
 
 
Melhorar o nosso conhecimento é semore uma boa opção, e vc proporcionam de uma maneira muita clara e objetiva.
OBRIGADA!
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Lilian Lopes Mattos
0
 
 
Parabéns..texto claro e informativo
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Márcia Beatriz Viana
0
 
 
ADOREI, RETIROU MINHAS DÚVIDAS. PARABÉNS PELO TEXTO.
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar ana paula
0
 
 
Também fiquei em duvida do reforço da DTP aos 12 meses. agora mudou?
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar patricia
0
 
 
adorei o texto! como e bom si atualizar!
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Débora
0
 
 
O resuminho do quadro ficou exelente e facilitou a comparação com o calendário antigo.
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Marly Linhares
0
 
 
O quadro comparativo ficou legal, facilita a visualização, podiam publicar no jornal do COREN, pois nem todos os profissionais acessam esse instrumento aqui, mas todos recebem o jornal.
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Alê
+1
 
 
SE ADOTASE-MOS MAIS A PREVENÇÃO NA SAÚDE PÚBLICA, DIMINUIRIAMOS AS FILAS EM POSTOS E HOSPITAIS .... E SAÍRIA BEM MAIS BARATO !
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Caroline Landal Rozin
0
 
 
Ótimo conteúdo! Procuro sempre me atualizar, nos diversos assuntos da nossa área. È perfeito para concursos plúblicos.
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Dorotéia Lourdes
0
 
 
O saber nunca é demais. Estou sempre me atualizando. Ótima matéria.
Parabéns pela iniciativa.
Abraços e finquem com DEUS.
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Dorotéia Lourdes
0
 
 
O saber nunca e demais. Estou sempre me atualizando. Otima materia.
Parabéns pela iniciativa.
Abraços a todos e fiquem com DEUS.
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar Duarte
0
 
 
Gostei muito de saber dessas mudanças, pois como atuo na area hospitalar, fico um pouco distante da saúde preventiva. Mas, gosto muto de me atrualizar sobre tudo na saúde.
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
avatar marleyde queiroz
0
 
 
Gente imunizaçao é algo importantissimo;trabalho a 9 anos e sou apaixonada, tem mudanças importantes na vacina que tem acrescentado muitooooooooo. parabens pela materia.
Nome *
Email (Para verificação e respostas)
Código   
ChronoComments by Joomla Professional Solutions
Enviar comentário
Cancelar
Verifique o Nome *
Informe o Email*
Verifique o Código*   
Chronocomments
Enviar Comentário

Enquete

Como você ficou sabendo do Programa Proficiência?